BLOG MEDICON 750x419 - MANTENHA O FLUXO DE CAIXA DA SUA EMPRESA POSITIVO, MESMO EM TEMPOS DE CRISE

MANTENHA O FLUXO DE CAIXA DA SUA EMPRESA POSITIVO, MESMO EM TEMPOS DE CRISE

Maio 25, 2018 - @medicon

Sem comentários

0 Flares Facebook 0 Twitter 0 LinkedIn 0 Filament.io 0 Flares ×

Durante esses últimos anos você deve ter percebido que o número de empresas fechando, funcionários sem emprego e empreendedores com dívidas se manteve elevado. Cenário originado pela situação política e econômica em que nosso país se encontra. Infelizmente esse número sustenta empresas de todos os tamanhos e setores da economia, inclusive dados de microempreendedores individuais.

E você, como um empreendedor, está fadado em um ambiente de incertezas, no qual há o desejo de sucesso e a dúvida sobre os riscos envolvidos. E tem outro fator que pode interferir negativamente na situação. As pequenas e médias empresas acabam sendo afetadas também pelo mau desempenho das grandes empresas, das quais são fornecedoras.

E o resultado você já sabe: o fluxo de caixa fica comprometido. As contas da empresa não fecham e as receitas parecem diminuir.

O fluxo de caixa é uma ferramenta de gestão, que pode ser adaptada e utilizada, independentemente do tipo e do tamanho de sua empresa. Mas, ainda assim, muitos empreendedores não sabem como usar corretamente essa ferramenta para analisar a situação do próprio negócio.

O fluxo de caixa é uma demonstração que deve apresentar o fluxo de todos os recursos financeiros disponíveis para uma empresa, ou seja, além do caixa propriamente dito, recursos disponíveis em contas correntes também deverão ser relacionados e utilizados para mostrar a quantidade de dinheiro que uma empresa tem.

Ainda assim existe uma alternativa para ajustar o fluxo de caixa e mante-lo positivo: a gestão financeira. Todas as ações, processos, análises devem estar sob controle nesses tempos de crise e para que a empresa cresça com saúde e equilíbrio.

Elaborar um bom e atualizado fluxo de caixa, reduzir os custos e reaver os processos administrativos são etapas desse processo que pode auxiliar nesse momento de tantas questões. O resultado disso é a obtenção de um melhor resultado para o seu negócio.

O fluxo de caixa deixa a rotina financeira da empresa mais organizada, já que estabelece uma padronização de processos e comportamentos. Permite a conferência de diferentes relatórios e dados financeiros e, assim, possibilita uma maior confiança nas finanças da organização.

Se você está nesse momento. Sem saber como surgiu a sua dificuldade financeira. Sem saber como contorná-la para gerar melhores resultados. Sem saber como elaborar um bom e atualizado fluxo de caixa. Fique conosco durante essa leitura e encontre dicas práticas de como organizar os processos financeiros de sua empresa. Acompanhe agora!

 

#Elabore e Acompanhe o Fluxo de Caixa

A melhor maneira de você controlar as finanças da sua empresa é utilizando um fluxo de caixa. Você deve relacionar entradas, saídas e saldos do seu caixa e contas bancárias. É importante que ele seja atualizado diariamente para que você possa analisar eventuais excedentes ou escassez financeira, podendo se preparar e programar melhor para o futuro. Ter controle dessa ferramenta permite um investimento melhor dos seus recursos e lhe mostra eventuais gastos excessivos.

 

#Reduza Despesas, Diminua Custos e Melhore o Ciclo Financeiro

Com o fluxo de caixa atualizado, você poderá acompanhar se suas receitas são maiores do que as despesas. Caso sejam, você deve fazer um controle rigoroso para que não ocorram gastos além do necessário. Evite empréstimos bancários de curto prazo, que podem parecer atrativos, mas carregam altas taxas de juros. O aluguel do imóvel está pensado no bolso? Procure outra opção para um lugar menor ou com uma estrutura de recepção, limpeza e segurança já embutidas no valor. Pesquise outros fornecedores e negocie: afinal, todos estão em tempos de crise.

O seu negócio depende de fornecedores? Negocie com eles o saldo pendente. E com clientes oferecendo descontos na antecipação de seus pagamentos. O custo dessas negociações sempre é menor que o de um empréstimo de curto prazo.

 

#Reavalie a Folha de Pagamento

Você deve contar na sua equipe, realmente, com pessoas que estejam realmente engajadas e comprometidas com o sucesso do seu negócio. Talvez seja o momento de reavaliar a equipe, salários e quantidade de funcionários.

Mas também não tome uma atitude antes da hora. Sempre verifique os relatórios administrativos e o fluxo de caixa periodicamente, pois assim será possível identificar as prioridades financeiras e tomar medidas necessárias antes que seja tarde demais.

 

#Reavalie os Processos Administrativos

Revise os processos produtivos e administrativos da sua empresa. Você deve otimizar todas as ações para que tenha mais tempo para pensar em novos investimentos e soluções. Você pode lucrar mais se conseguir entregar um produto ou serviço de qualidade em um tempo menor. Controle seus custos operacionais e defina estratégias de vendas: sua meta mínima deve, ao menos, ser o necessário para a sobrevivência do seu negócio.

 

#Tenha um Planejamento Estratégico

O seu negócio ou toda a ideia que envolve o trabalho que você desempenha todos os dias deve estar sustentado por uma estrutura sólida. Afinal, você quer que ele dure muito anos, não quer? Sempre avalie o desempenho do negócio a curto e médio prazo.

Mas antes dessas análises, você já deve ter em mente ou documentado as definições das missões e objetivos estratégicos do seu empreendimento. O planejamento deve ser feito periodicamente, refletindo sobre a direção estratégica a ser tomada, planos operacionais, objetivos, responsabilidades e prazos.

Elabore também um planejamento tributário, buscando alternativas para redução do percentual de impostos sobre o faturamento. Nessa questão um contador especializado pode ajudar sobre alternativas para redução dos custos tributários de direito.

 

O fluxo de caixa é uma ferramenta financeira e também gerencial. Do ponto de vista financeiro, auxilia a organizar e otimizar as finanças, por exemplo, na cobrança pontual e objetiva dos clientes em atraso. Ele também evita o pagamento desnecessário de multas e juros nos títulos a pagar da empresa, bem como problemas com protestos e outras questões administrativas.

Já do ponto de vista gerencial, pode auxiliar a identificar os principais clientes, além de tipos de produtos e serviços que são mais comercializados. Isso pode contribuir na hora da correta definição do preço de venda, promoções, descontos e outras estratégias para maximização das vendas.

O controle de estoque também pode ser gerenciado com o auxílio do fluxo de caixa, otimizando a eficiência dessa importante área, diminuindo seus custos e melhorando seus resultados. Outra possibilidade é o mapeamento e detalhamento das despesas, identificação de eventuais gargalos de produção no seu negócio e realizar os ajustes necessários.

O fluxo de caixa também auxilia com possibilidades de tomada de decisão na substituição, diminuição e corte de determinados custos, o que provoca a melhoria nos resultados. A projeção de resultados também é uma forma de planejamento para o futuro da empresa utilizando o fluxo de caixa, permitindo a criação de reservas.

 

Gostou desse artigo? Comente, curta, compartilhe! Acesse aqui para conhecer o Portal Medicon.

cta medicon 4 600x100 - MANTENHA O FLUXO DE CAIXA DA SUA EMPRESA POSITIVO, MESMO EM TEMPOS DE CRISE

Gostou? Compartilhe esse artigo!

@medicon